terça-feira, 27 de março de 2012

Osterbaum ( Árvore de Páscoa)

 

A Árvore de Páscoa é um costume de origem Alemã. Uma bonita tradição pascal que observamos na Sexta-feira Santa e do Domingo de Páscoa até duas semanas depois. Entre os vários símbolos usados na Alemanha durante a Páscoa, está o Osterbaum - a Árvore de Páscoa. Seus símbolos têm sua origem na antiga Germânia, a região  hoje da Alemanha. A língua germânica deu origem ao alemão, inglês, neerlandês e às línguas escandinavas.
As tradições da Páscoa, como as de outras festas religiosas, têm sua continuidade na Alemanha de hoje e foram levadas a outros países pelos que emigraram.
A árvore da Páscoa é montada com um galho seco, que simboliza a frieza e morte do sepulcro de Jesus Cristo. No galho são colocadas cascas de ovos coloridas, que simbolizam a alegria da vida que significa a Ressurreição do Senhor. Colocam ovos porque o ovo significa ou simboliza que há vida dentro dele e dalí ela brota, apesar de estar escondida até o momento em que a ruptura acontece. Dentro do ovo está a vida nova que surge para a luz do sol.




domingo, 11 de março de 2012

Lenda da Lagoa dos Barros

 

Lagoa dos Barros é uma lagoa brasileira localizada no estado do Rio Grande do Sul. Essa  lagoa é repleta de histórias e lendas contadas por moradores da região. Alguns dizem ser encantada enquanto outros afirmam ser uma lagoa mal assombrada, e esse mistério permanece até os dias de hoje. As lendas locais dizem existir um monstro vivendo nas profundezas do lagoa, ou que ninfas translúcidas  montadas em cavalos brancos deslizando pelas águas carregados pelos ventos. Quem já avistou a sinistra cavalgada guarda para sempre a terrível impressão das almas noite a dentro até sumir na lagoa. Dizem também que em períodos de seca é possível ver ao longe o topo de prédios mais altos e, em algumas ocasiões, ouvir o sino da Igreja tocando de uma possível cidade submersa construída no centro da lagoa. Segundo a crença do povo a Lagoa dos Barros possui um redemoinho no seu centro, que suga tudo e leva tudo: peixes, pessoas ,barcos, para baixo da terra até soltar no mar, bem longe da praia, existe histórias sobre um barco todo iluminado, que surge do nada nas noites mais escuras, e da estranha aparição de dois misteriosos padres em suas margens. Há também mitos de  ovnis e até  uma aparição de  lobisomem numa das margens da lagoa. Mas entre todas as lendas contadas pelos moradores locais, existe uma que surgiu de um fato verídico, um famoso assassinato ocorrido em 1940, quando o noivo da jovem Maria Luiza matou-a e jogou seu corpo na lagoa amarrado a uma pedra. Moradores dizem que já encontraram uma mulher de branco à noite perto da lagoa. Outra história sobre a mulher de branco surgiu em 1958, quando dois caminhoneiros a viram andando na beira da estrada que margeava a Lagoa dos Barros, à noite. Estranhando encontrar uma mulher sozinha àquela hora eles pararam para investigar, mas a figura desapareceu. As histórias sobre visões da mulher de branco que perambula pela lagoa a procura do seu noivo-assassino continuam se repetindo até hoje. 

http://4.bp.blogspot.com/_jP11UxXAuGQ/SpRpNx7ugQI/AAAAAAAAEzw/ip4xVA6ZUrQ/s320/224_530-mulher%20de%20branco.jpg